Silvia Braz promete impactar o público com dois looks na noite em que é rainha do Baile do Copa

Evento Moda

Releitura do vestido usado nos anos 60 por Carmen Mayrink Veiga abre a noite de Silvia Braz, que receberá seus convidados em seu “Brazarote”

Acontece no próximo sábado (10), o tradicional Baile do Copa, festa black tie que agita o Rio de Janeiro um dia antes dos desfiles das escolas de samba. Silvia Braz, eleita a Rainha do Baile, usará uma releitura de um vestido do couturier Guilherme Guimarães, um dos mais prestigiados dos anos 60 que assinou diversos modelos usados por Carmen Mayrink Veiga. Com styling de Pedro Sales, a estilista brasileira preferida de Beyoncé, Patrícia

Bonaldi, assinou o look que demorou 16 dias para ser todo bordado à mão com cristais, pontos de luz swarovski e vidrilhos. A cabeça, desenvolvida por Caio Vinícius, faz jus ao título de Rainha da festa.

Para os não familiarizados ao nome, Carmen Mayrink Veiga foi uma socialite radicada no Rio de Janeiro e conhecida por sua elegância, inteligência e habilidade em falar com todas as classes sociais. Foi retratada por Andy Warhol, Portinari e esteve nos versos de Carlos Drummond de Andrade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *