COLETIVO CARANDAÍ 25 DESEMBARCA EM RECIFE A CONVITE DA DONA SANTA

Movimento de novos designers terá evento de quatro dias na multimarcas, com 20 marcas do Rio de Janeiro

Evento que mostra aos cariocas o que há de mais novo na moda, o Coletivo Carandaí 25 fará sua estreia em solo nordestino entre os dias 20 e 23 de março, a convite da Dona Santa. A multimarcas de Juliana Santos receberá 20 novas marcas selecionados por Tatiana Accioli, à frente do coletivo, em um movimento de mão-dupla após a passagem de marcas pernambucanas pelo Rio de Janeiro, em dezembro passado.

“Fechamos 2018 com um grande encontro da moda brasileira e estamos felizes em retribuir a visita da Juliana ao nosso evento com uma programação inédita do Carandaí 25 na Dona Santa. O mais legal é essa dupla curadoria, juntando meu olhar para a identidade carioca com a visão dela para o mercado pernambucano”, diz Tatiana, animada com o intercâmbio e a expansão do projeto para outras regiões do Brasil.

Entre as marcas que chegarão ao Recife estão a Annaka, com seus acessórios em versão máxi cheios de personalidade; a Sardina, com um mix de cores e estampas inspiradas no Mediterrâneo; e a Benta, com uma estamparia colorida e bem-humorada em peças descomplicadas. As recifenses poderão conferir ainda o beachwear elegante e biodegradável da Marju, as joias de Renata Alt, os sapatos da Tiza e da Salts e as bolsas da It Bag, para citar alguns dos achados.

“Com o sucesso que Carandaí 25 apresentou no último ano, o convite de trazer o coletivo e sua curadoria de marcas para a Dona Santa foi imediato. Estamos muito felizes em promover esse cross entre Rio de Janeiro e Recife, enriquecendo as regiões com o que há de melhor no campo de novos designers brasileiros”, diz Juliana Santos sobre o evento.

Estão previstos happy hours com espumante e drinques nos quatro dias, assim como DJs para um clima ainda mais gostoso ao programa.

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.