Cora Coralina chega a São Paulo no coletivo Tremma Cora

No formato shopping e galeria, o projeto apresenta rodas de conversas, exposição de arte, venda de doces goianos e apresentação de cerca de 30 marcas 100% nacionais e autorais. Pela primeira vez em São Paulo, o Coletivo Tremma, que reúne marcas e artistas acontece de 05 a 07 de dezembro na Vanzak Gallery e homenageia os 130 anos da poeta goiana.

 Feminista sem saber, a doceira e poeta, Cora Coralina, escritora das coisas simples é considerada uma das mais importantes do Brasil. Ela dedicou sua vida aos doces e a literatura, mas só teve seu primeiro livro publicado em 1965, aos 75 anos de idade.


Inspirado na força dessa lutadora, que afirmava: “com as pedras que me atiraram construí a minha obra”, nasce o coletivo “Tremma Cora”, uma homenagem a personalidade representativa da força feminina e empreendedora de uma mulher que viveu a frente do seu tempo e foi exemplo de coragem, humanidade e sabedoria de vida, virtudes eternizadas em seus versos e plantadas nos corações de inúmeros leitores.

Idealizado por 4 mulheres, o evento traz para a cidade histórias inspiradoras, a fim de conectar pessoas. As goianas Isabella Perillo e Nájla Rassi, idealizadoras do Coletivo Tremma, se uniram as sócias da 2 Make Results, aceleradora de resultados, Cristina Parente e Sandrine Nass. Criaram, então, um projeto inédito de moda e cultura para o mercado paulista, mas não perdendo a essência do DNA goiano.

“Acreditamos no que é genuíno e nacional. Valorizamos a história por trás do sonho. Queremos contribuir para o enriquecimento cultural do nosso país e
entendemos que um olhar curioso para a moda leva a uma descoberta de nós mesmas”, afirmam todas em manifesto.

Com cenografia assinada pela apaixonada arquiteta brasiliense, Priscila Gabriel, a Pippa, do STUDIOPIPPA, o design prima pela autenticidade. A Oficina Gastronômica, que trabalha confeitos típicos de Goiás, assinará os doces que serão vendidos no evento. A curadoria da exposição de arte será da renomada galerista goiana Tatiana Potrich, curadora da Potrich Galeria de Arte Contemporânea.

O laboratório de mídia da Universidade Federal de Goiás estará à frente da projeção nas paredes da galeria com poemas saindo de uma máquina de escrever, dos versos sussurrados pela voz da própria Cora Coralina, do painel com a cronologia da vida da escritora, além da visita 360 graus ao Museu Casa de Cora Coralina com óculos Rift e do vídeo mapa com os poemas da escritora. O espaço terá ainda como inspiração, um dos cômodos do referido museu com reproduções de parte da exposição interativa.

A abertura do evento contará com a presença de Dona Vicência, filha de Cora Coralina, que falará livremente sobre a mãe e se colocará à disposição para autografar alguns de seus livros. Nos demais dias o coletivo terá a participação de algumas mulheres que representam as “Coras da Atualidade” para uma roda de conversa bem como, com algumas associadas do projeto “Mulheres Coralinas”. Tremma Cora receberá, também, uma tarde de autógrafos com a poetisa goiana Telma Maia, que inspirada pela trajetória de Cora lança seu livro de poesias.

Abaixo as marcas que participam do evento:

 

ANZ – @anzlougewear – com formas leves e suaves, inspirada no jeito relaxing –  vestir e se sentir à vontade.

Atelie Watson – @ateliewatson – bolsas autorais feitas à mão, inspiradas na década de 60, mas com releitura contemporânea.

Bambu – @bambubrasil – Coletivo Tremma lança junto com a Bambu a última coleção cápsula “O Pulo do Gato”, que remete a um ditado empregado sobre situações de sucesso: não existe sucesso sem colaboração e amor.

Chaouiche  – @chaouiche – marca do paranaense Rafael Chaouiche, finalista do quadro “Como Manda o Figurino”, apresentado no Fantástico em 2015.

Dani Cury – @danicury – Dani Cury utiliza formas exclusivas que valorizam a anatomia e ergonomia, a elaboração das peças prezam pelo conforto de quem os veste. A marca conta com uma cadeia produtiva local ética, onde todos os artesãos são devidamente valorizados e tem seus direitos assegurados.

Design Floresta – @designfloresta – a marca brasileira Design Floresta nasceu em 2018 do amor incondicional pela natureza, buscando inspiração no ambiente da floresta, através de suas cores, formas e equilíbrio, criando um produto natural, livre de qualquer componente animal. Os sapatos são de linho, artesanais, produzidos em escala sustentável.

Eleonora Hsiung – eleonorahsiungatelie – marca de acessórios idealizada por duas goianas. As peças possuem formas inconformistas, com conceito, atitude e artesania.

Julietha – @__julietha__ – uma linha de peças atemporais que possibilitam uma ampla variação de combinações e propostas – sempre inspiradas nos elementos naturais – traduzidos em tecidos, texturas e acabamentos.

Khepra – @kheprabrand – o conceito é criar coleções cápsulas, com peças exclusivas e, em sua maioria, sem gênero

Letti + Cora – @letticora – Goiânia – duas marcas que se unem para desenvolver coleções cápsulas exclusivas. Para o evento, lançarão uma coleção exclusiva de cintos e sapatos.

Linha – @_linha – marca que se define como: “roupas de bem com o planeta”.

Loja Nila – @loja.nila – marca que valoriza o que é atemporal mas, ao mesmo tempo, atual. As peças são pensadas para mulheres que são felizes, conhecem o seu corpo e compram peças que as valorizam

Lokal Wear – @lokalwear – marca focada na criação e desenvolvimento de acessórios de moda, valorizando a cultura local e usando esse fator como inspiração. A sua missão é aproveitar matérias primas muitas vezes desprezadas e transformá-las em acessórios de moda com um ar contemporâneo, aliando conforto e leveza.

Luciana Issa – @lucianaissa – a marca aposta na renovação de clássicos da alfaiataria em tecidos nobres, seguindo uma pegada chic e minimalista.

Luciana & Yasmin – @lucianayasminbr – marca de jóias criadas pelas brasilienses Luciana e Yasmin, que expressam seus sentimentos e emoções através de suas criações.

Luisa Schoder – @luisaschoder – Luisa acredita no atributo emocional das joias, e valoriza todos os momentos de contato entre suas clientes e as peças: do momento da escolha da peça até as diferentes formas de usar.

Maison Singular – @maisonsingular – As sócias, mãe e filha, trabalham com jóias de pérolas de água doce com acabamento artesanal, acessórios de cabelo e alpaca. O trabalho da marca é todo feito à mão por mulheres artesãs.

Marô Antunes – @maroantunes – marca de cerâmicas autorais e belíssimas. Participa pela primeira vez de um evento em São Paulo. A marca foi criada recentemente.

Ostra Brasil – @ostrabrasil –  criações voltadas para um público ativo, moderno, amante de moda, design e arte que busca ousadia sem perder a classe e o senso atemporal.

Renata Rossi – @rrossileather – marca de couro com produção brasileira, feita à mão. Valoriza a versatilidade, o modernidade e o conforto.

Rivi – @rivioficial – neo marca de maquiagens (produtos não testados em animais, sem parabenos e chumbo). A marca tem como um de seus idealizadores, Eduardo Vanzak, dono da Galeria Vanzak e da renomada marca de chás Desinchá.

Sy & Vie – @syetvie – clutches feitas à mão, autênticas e inspiradas na natureza. Bolsas adornadas com folhas e flores descartadas pela própria natureza.

 

Yom – @yom.pt – marca de loungewear irreverente, moderna, confortável e sensual.

 

O coletivo Tremma Cora acontece de 05 a 07 de dezembro, de quinta à sábado, das 10hs às 20hs, na Vanzak Gallery, na Alameda Lorena, 1610. Jardim Paulista. São Paulo.

Instagram: @coletivotremma

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.