Minimalismo, simplicidade e elegância casual norteiam verão 2020 da Brunello Cucinelli

Em Milão, marca acaba de apresentar o preview da coleção que chega às lojas ano que vem

Senso de harmonia, simplicidade e natureza apontam os rumos do verão 2020 da Brunello Cucinelli. Apresentada durante a semana de moda de Milão, a coleção que deve chegar à boutique da marca no shopping Cidade Jardim (e ao cjfashion.com) em março do ano que vem evoca a atemporalidade como principal valor, evitando modismos e distrações da hora.

Essa vontade se traduz na redução dos excessos, na valorização de cores delicadas, das fibras naturais de aspecto rústico, das superfícies irregulares e das silhuetas essenciais, acenando para o minimalismo dos anos 90, e expressando desejos de leveza e pureza.

Destacam-se na coleção os pullovers extralargos para usar com saias de seda, os tricôs com flores estilizadas bordadas, as jaquetas de ombros amplos e cintura marcada por cinto, as bermudas elegantes, as calças de cintura alta, as mídis amplas com plissados ou costuras assimétricas, e as bolsas geométricas.

A cartela de cores equilibra neutros delicados, como brancos e tons claros de areia, com beges puros e rosados, terracota, marrom, azuis e cinzas suaves. Entre os materiais usados ganham maior evidência as tramas de pontos largos e as fibras vegetais, ao lado de linhos, algodões, lãs e cânhamo. O imaginário masculino impresso em sarjas e gabardines se contrapõe às transparências de organzas, georgettes e tules. Ainda entre os tecidos, napas, sedas, cetins e denim.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.