GABI HEINZ ABRIU AS PORTAS PARA O VOLUNTARIADO NO OUTUBRO ROSA

As concorridas e talentosas mãos de Gabi Heinz trabalharam bastante durante os 30 dias de campanha do Outubro Rosa, período em que ela, de forma voluntária e cheia de amor ao próximo, cortou cabelos para a confecção de perucas. 

 

Em épocas de campanhas como a do Outubro Rosa, em prol da conscientização e prevenção do câncer de mama, as pessoas parecem se inspirar mais para fazer o bem. Há também aquelas que não esperam por esse momento para isso, como é o caso da cabeleireira Gabi Heinz, que sempre fortaleceu essa corrente de solidariedade.

“Eu sempre fiz trabalhos voluntários, mas nunca pensei neles com esse nome, sabe? Eu acho que a gente pode ajudar o próximo e ver as pessoas como seres humanos mesmo. Não existe trabalho, mesmo que voluntário, existe compaixão”, explica.

Não importa se é morador de rua, empresário, homem, mulher, rico ou pobre… Gabi é do tipo de pessoa que faz amizade com todo mundo, seja lá quem for, e basta uma primeira troca de conversa para ela conquistar com seu jeito doce e sempre atento ao que se tem a dizer. “Eu realmente acredito que a questão não é ajudar porque ‘nunca se sabe o dia de amanhã’, mas sim porque você deve contribuir para qual legado quer deixar”, completa Gabi, que acredita que ações como essas movimentam não somente o salão ou as clientes, mas a si mesma.

“Eu fico cheia de amor, de vontade, e isso é o que me move”.  

 

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.