FRANCESCA MONFRINATTI

Cool, chic e empoderada, Francesca Monfrinatti é daquelas que unem lifestyle e conteúdo como poucas - e afirma: “Nós mulheres estamos vivendo o nosso melhor momento”. Alguém duvida?

O que te leva a seguir esse ou aquele perfil dessa ou daquela blogueira? Como ela se veste, os restaurantes que frequenta, as viagens que faz? Sim, meus caros, sabemos que isso tudo fascina, mas, se o conteúdo não for bom, não há feed organizado que sustente um influenciador nas redes sociais, não é mesmo? Mas será que existe uma fórmula de sucesso? Se sim, Francesca Monfrinatti conhece todas. Dona de um dos perfis mais cools e inspiradores do Instagram, a it woman e antenada influencer de moda vai além do look do dia e mostra, a cada clique, que personalidade e sofisticação é para poucas.  

“A paixão pela moda não veio desde cedo, mas já na adolescência”. Formada em moda pela faculdade Anhembi Morumbi, em São Paulo, Francesca começou a trabalhar como vendedora na Daslu, uma das maiores marcas de luxo do país, aos 16 anos, sob a influência dos pais. “Eles sempre disseram que eu tinha que aprender a lidar com pessoas para conseguir me dar bem em qualquer trabalho que eu tivesse”. Sábios conselhos de pai e mãe que, para Francesca, foram fundamentais. Depois de formada, ela foi trabalhar com ninguém menos do que Carlos Mielle, com quem teve grandes aprendizados, e, nesse mesmo período, montou o seu primeiro blog: o Shoe Lovers. A – até então – blogueira tem certeza de que as diversas áreas do ramo da moda pelas quais passou foram fundamentais para chegar até aqui. Francesca começou na web falando de sapato, sua grande paixão até hoje, mas o canal cresceu tanto, que ela abriu para outras paixões também, como lifestyle, viagens, restaurantes e, claro, seu amorzinho pet, a Lentilha, que já tem até seu perfil no insta. 

Já com o blog no ar, ela foi trabalhar na Schutz e depois foi “roubada” de volta, como costuma brincar, pela inesquecível Eliana Tranchesi – fundadora da Daslu – para assumir o setor de design de bolsas, sapatos e cintos da marca. A essa altura, Francesca já estava totalmente inserida no mundo da moda e resolveu dar um passo além, criando o Fashion Day In, evento que teve seis edições e reunia 3 mil pessoas. “Era o famoso e atual ‘see now buy now’, só que há dez anos, com muitas marcas que hoje fazem parte do SPFW e que, na época, não tinham a menor pretensão de participar”, explica. Apesar do sucesso, o evento demandava muito, e a já empresária decidiu focar 100% da sua energia no universo digital.  

Mas, engana-se quem pensa que Francesca dedica todo o seu foco ao lado luxuoso e glamouroso da moda. Ela também se preocupa com tudo que será dito e que mensagem irá passar ao seu público. “Dá até um pouco de medo, porque temos que tomar muito cuidado com as coisas que falamos. Nós temos um poder muito grande nas mãos”, afirma a influencer, mostrando muita responsabilidade e, principalmente, comprometimento com quem a acompanha. Ciente de seu poder como influencer e do cenário de empoderamento que as mulheres estão vivendo, Francesca acredita que este é o melhor momento feminino, pois está surgindo uma palavrinha nova e que tem um lindo conceito chamada “sororidade”. “Nós estamos com a faca e o queijo na mão não só para mostrar, mas para provar que nós podemos! Agora é a hora, e isso é maravilhoso, é um momento muito marcante para nós. Acho, inclusive, que estamos vivendo o maior e melhor deles”, celebra.  

E talvez seja a partir desse pensamento empoderado que Francesca assume para si o motivo de ela não sofrer com a pressão de estar e se mostrar sempre bem nas redes. “O importante é ser fiel a mim mesma, não tem essa história de não poder aparecer desarrumada ou sem maquiagem, isso é o de menos para mim. Tem dias que dá muita preguiça”, confessa. Encerramos nosso bate-papo com um assunto que Francesca domina: a moda e todas suas tendências, que ela ressalta serem efêmeras, mas, que sempre influenciam, mesmo que um pouquinho, no estilo da galera. “Nós estamos vivendo uma época onde tudo muda muito rápido, e as pessoas estão com mais personalidade, são muito mais fiéis ao que elas querem ser. Óbvio que elas se inspiram, as trends continuam, mas muita gente está apertando o botãozinho ‘dane-se’ e se vestindo da forma que quer”. Para onde vai o futuro da moda? Ela diz não saber, mas que aguarda para ver! E nós, com certeza, continuaremos seguindo pessoas como a @francesca para ver onde tudo isso vai dar.  

edição Victoria Costa
texto Taíssa Julião
foto Fabricio Assis
make Israel Escobar

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.